Primeiro disco dos Beatles faz 50 anos; veja curiosidades.


Em época em que as paradas eram dominadas por trilhas sonoras, o disco conseguiu a proeza de permanecer no topo por 30 semanas.

Joseph Lockwood, presidente da EMI, presenteia os Beatles com discos de prata por suas vendas com 'Please Please Me' e 'With The Beatles', em 18 de novembro de 63 Foto: Getty Images

Joseph Lockwood, presidente da EMI, presenteia os Beatles com discos de prata por suas vendas com ‘Please Please Me’ e ‘With The Beatles’, em 18 de novembro de 63.

Há 50 anos, era lançado pela gravadora Palophone na Grã-Bretanha o álbum de estreia dos Beatles: Please Please Me. O disco tinha 14 faixas – 7 de cada lado -, sendo que 8 eram de composição de John Lennon e Paul McCartney. 

Com faixas clássicas como Love Me Do e Twist and Shout, o álbum foi lançado em 1987 nos Estados Unidos, pela Capitol Records. O disco foi gravado em 11 de fevereiro de 1963, nos estúdios EMI em Abbey Road. George Martin e os Beatles ficaram cerca de 10 horas no estúdio. O custo para o dia foi de £400 – cerca de £10 mil atuais. Em 2009, a Apple Record relançou o disco remasterizado, e em 2010 foi a vez da iTunes Store.

Capa do CD 'Please Please Me' Foto: Divulgação
Capa do CD ‘Please Please Me’.

Em uma época em que as paradas britânicas eram dominadas por trilhas sonoras de filmes, o disco conseguiu a proeza de permanecer no topo por 30 semanas. Please Please Meficou na 39ª posição na lista dos “500 Melhores Álbuns de Todos os Tempos” da revista Rolling Stone.

Capa:

Para ilustrar a capa do álbum, George Martin, que era membro da Sociedade Zoológica de Londres, sugeriu uma foto posada na área dos insetos do Zoo de Londres. A Sociedade recusou, e a solução foi fazer um retrato na sede da EMI de Londres – e fez muito sucesso.

Regravações: 

Neste ano, a BBC fez uma nova edição do álbum ilustre, regravada por artistas como Joss Stone, Mick Hucknall e Beverley Knight.

Faixas:
Lado Um:
1. I Saw Her Standing There     
2. Misery”      
3. Anna (Go to Him)
4. Chains
5. Boys
6. Ask Me Why     
7. Please Please Me 

 

Lado Dois:
1. Love Me Do
2. P.S. I Love You
3. Baby It’s You
4. Do You Want to Know a Secret
5. A Taste of Honey
6. There’s a Place
7. Twist and Shout

Saiba mais sobre as faixas: 

Em 1963, lançamento de primeiro álbum colocou o quarteto nos holofotes Foto: Getty Images

Em 1963, lançamento de primeiro álbum colocou o quarteto nos holofotes.


I Saw Her Standing There – A ideia inicial era que a música se chamasse Seventeen. A música teria sido composta por Paul McCartney ao dirigir de volta para casa depois de um show.

Misery – A princípio, a canção foi escrita por Lennon e McCartney para ser cantada por Helen Shapiro, que fazia fama nas paradas britânicas. Mas o empresário dela não aprovou a música, e Kenny Lynch acabou por gravá-la. A música foi parar no álbum dos Beatles quando eles precisavam de material adicional para Please Please Me.

Anna (Go to Him) – Escrita por Arthur Alexander, a canção se tornou mais famosa na versão dos Beatles do que na original. 

Chains – A música foi composta por Gerry Goffin e Carole King, um casal que trabalhava para a Brill Building em Nova York, uma gigante do ramo da indústria de música popular.

Boys – escrito por Luther Dixon e Wes Farrell, a música foi a estreia de Ringo Starr nos vocais dos Beatles. 

Ask Me Why – Apesar de creditada como uma parceria Lennon-McCartney, a faixa foi escrita por Lennon sob a influência da banda de blues The Miracles. A estrutura da canção é considerada complexa.

Please Please Me – A canção que dá nome ao álbum, escrita por Lennon e McCartney, era uma das grandes apostas de George Martin, até por ter levado 18 gravações para ficar pronta. Quando a banda apareceu pela primeira vez na televisão britânica, em 19 de janeiro de 1963, eles escolheram tocar esta faixa.

Love Me Do – A música foi gravada em três diferentes ocasiões pelos Beatles. Em 1964, a música ficou no topo das baradas norte-americanas por 14 semanas.

P.S. I Love You – A música é considerada uma homenagem de Paul McCartney para sua então namorada Dot Rhone, já que foi escrita em 1961, quando ele estava em Hamburgo, na Alemanha. Paul, porém, negou e disse que a letra não era baseada na realidade. 

Baby It´s You – Escrita por Burt Bacharach, Luther Dixon e Mack David, a mísoca também ganhou versões do The Carpenters e Smith. 

Do You Want to Know a Secret – Com George Harrison nos vocais, a canção alcançou a primeira posição da lista da Billboard em 1981

A Taste of Honey – Escrita por Bobby Scott e Ric Marlow, era originalmente uma canção instrumental para um musical da Broadway. 

There’s a Place – A música foi inspirada pela fala do filme Amor, Sublime Amor “There´s a place for us” (“há um lugar para nós”, em tradução livre). 

Twist And Shout – Escrita por Phil Medley e Bert Russell. Lennon estava gripado quando gravou a música, e é possível notar os efeitos da doença em sua voz. Apesar disso, a performance do Beatle estava memorável. 

Em estúdio

O emblemático estúdio londrino Abbey Road, local de peregrinação para os fãs da banda, foi o cenário da gravação de Please Please Me como seria posteriormente de Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band e The White Album, entre outros.

Beatles se tornou verdadeira mania no Reino Unido e sensação se espalhou pelo mundo Foto: Getty Images

Beatles se tornou verdadeira mania no Reino Unido e sensação se espalhou pelo mundo.

No dia 11 de fevereiro de 1963, o produtor George Martin, considerado “o quinto beatle”, reuniu Lennon, McCartney, Harrison e Starr para uma sessão de gravação que durou 585 minutos, ou seja, nove horas e 45 minutos.

Nesse dia, a banda britânica gravou dez canções dePlease Please Me apesar do resfriado de John Lennon, que sentia a garganta dolorida e como “papel de lixa”.

Por temor de não concluir o disco se o músico e compositor perdesse a voz, Martin deixou a canção Twist And Shout para o final da intensa sessão, que tinha começado às dez da manhã com There’s a Place.

Após 13 tomadas, os músicos continuaram com I Saw Her Standing There e Hold Me Tight, finalmente desprezada para o primeiro álbum, mas que foi incluída no segundo disco.

Lennon cantou a maioria das músicas gravadas em Abbey Road, apesar de McCartney ter botado a voz em Misery e George Harrison ter puxado o coro em Do You Want To Know a Secret e Chains.

O baterista, Ringo Starr, que tinha se incorporado à banda em 1962, proposto por George Martin, trocou as baquetas pelo microfone em Boys, inaugurando uma tradição que se manteria até o último álbum dos Beatles, Abbey Road.

Em termos econômicos, Please Please Me não poderia ser mais rentável, uma vez que só custou 400 libras (R$ 1,2 mil), um número pequeno se comparado com o orçamento de US$ 75 mil (R$ 150 mil) de Sgt. Pepper’s em 1967.

O fotógrafo Angus McBean se encarregou da capa do disco, na qual se vê o quarteto nas escadas da sede londrina da gravadora EMI, uma imagem que recriaram para “Get Back” (1969).

Please Please Me foi o começo de uma carreira de 12 álbuns de estúdio que os Beatles lançaram ao mercado desde seu nascimento oficial em 1962 até 10 de abril de 1970, quando McCartney informou a separação da banda em comunicado.

Meio século depois, canções como Twist And Shout e I Saw Her Standing There seguem encantando os fãs do grupo que mantém a honra de ser o que mais discos vendeu na história, um recorde estimado em cerca de um bilhão de cópias.

Anúncios

Deixe o seu comentário ele é muito importante para nós.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s